Portal da Educao Adventista

*SEBÁ DAMACENO DIRETOR *

30

abr
2011

5ª As Vestes Sacerdotais da Graça Lições da Bíblia

comentários[0]

29

abr
2011

Casamento Real: Contagem decrescente

comentários[1]

29

abr
2011

A Parábola do Lápis

A Parábola do Lápis

comentários[0]

28

abr
2011

Deus está no controle

Salmo 121

Elevo os meus olhos para os montes: 
De onde me virá o socorro ?

O meu socorro vem do Senhor que fez o Céu e a terra !

Não deixará vacilar o teu pé: 
Aquele que te guarda não tosquenejará.
 
Eis que não tosquenejará, nem dormirá o Guarda de Israel.

O Senhor é quem te guarda. 
O Senhor é a tua sombra a tua direita.
 
O sol não te molestará de dia,
 
nem a lua de noite.

O Senhor te guardará de todo mal, 
Ele guardará a tua alma.
 
O Senhor guardará a tua entrada, e a tua saída,
 
desde agora e para sempre.

Amém !

 

comentários[0]

28

abr
2011

Bullying: Como reconhecer agredido e agressor?

Por Içami Tiba

Bullying é uma ação abusiva de uma pessoa mais forte para uma mais fraca que não se defende, escondido dos adultos ou pessoas que possam defendê-la.

Esta ação abusiva do bullying é caracterizada por agressão e violência física, constrangimento psicológico, preconceito social, assédios, ofensas, covardia, roubo, danificação dos pertences, intimidação, discriminação, exclusão, ridicularização, perseguição implacável, enfim: tudo o que possa prejudicar, lesar, menosprezar uma pessoa que se torna impotente para reagir e não revela a ninguém para não piorar a situação.

O agressor é ou está mais forte no momento do bullying, tanto física e psíquica quanto socialmente. Sua vítima, que é ou se encontra impotente para reagir sozinha, precisa de ajuda de terceiros. Além disso, o agressor usa de sua extroversão, da facilidade de expressão, da falta de caráter e ética, de fazer o que quer ignorando a transgressão ou contravenção e abusa do poder de manipulação de outras pessoas a seu favor. O agressor se vale das frágeis condições de reação da vítima e ainda o ameaça de fazer o pior caso ele conte para alguém. Assim, a vítima fica sem saída: se calar, o bullying continua, se tentar reagir, a agressão pode piorar. O número de agressores é geralmente menor que o das vítimas, pois cada agressor produz muitas vítimas.

A vítima é geralmente tímida, frágil e se apequena diante do agressor. Ela tem poucos amigos e os que têm são também intimidados e ameaçados de serem os próximos a sofrerem o bullying, apresenta alguma diferença física, psicológica, cultural, racial, comportamental e/ou algo inábil (destreza, competência etc.).

Mesmo que a vítima não fale, seu comportamento demonstra sofrimento através da perda de ânimo e vontade de ir para a escola (se o bullying lá ocorreu), da simulação de doenças, das faltas às aulas, dos abandonos escolares, da queda do rendimento escolar, do retraimento em casa e na sala de aula, da recusa de ir ao pátio no recreio, de hematomas ou outros ferimentos, da falta ou danificação do seu material pessoal e escolar etc.

Os futuros de todos se comprometem se o bullying não for combatido assim que descoberto. Os agressores, que já vinham em geral de famílias desestruturadas, tendem a manter na sociedade o comportamento anti-social desenvolvidos na escola, tornando-se contraventores e prejudiciais à sociedade. Os agredidos levam suas marcas dentro de si prejudicando seu futuro com uma desvalia e auto-estima baixos, alguns tornam-se revoltados e agressivos, vingando-se ao cometer crimes sobre inocentes da sociedade e até mesmo tornando-se contraventores.

Tanto a escola quanto os pais têm de ficar atentos às mudanças de comportamentos das crianças e dos jovens. Não se muda sem motivo, tudo tem uma razão de ser. Nenhum adulto pode instigar a vítima a reagir sozinho. Se ela pudesse já o teria feito. Foi por autoproteção que ela nada fez nem contou a ninguém.

Para o trabalho de prevenção e atendimento ao bullying sugiro quatro frentes:

·         Com as testemunhas: estimular a delação saudável, explicando que o silencioso é conivente e cúmplice do agressor. Garantir proteção e sigilo às testemunhas, que permanecerão no anonimato, aceitando seus telefonemas, e-mails, MSN, bilhetes ou pessoalmente as indicações dos agressores.

·         Com as vítimas, mantendo-as sob vigilância "secreta" sob a atenção de todos os adultos da escola e adolescentes voluntários neste ato de civilidade no combate ao bullying. É perda de tempo esperar que as vítimas venham a reclamar dos seus agressores. É também uma conivência e cumplicidade com o agressor.

·         Com os agressores, é necessário aplicar o princípio das conseqüências que são medidas tomadas pelas autoridades educacionais que favoreçam a educação. O simples castigo não educa. O agressor identificado deve fazer trabalhos comunitários dentro da escola, como auxiliar em algum setor que tenha que atender às necessidades das pessoas. Pode ser numa biblioteca, na cantina da escola, enfermaria ou setor equivalente etc. No lugar de agredir a vítima, ele deverá cuidar dela. Quem queima mendigos deve trabalhar com queimados, fazendo-lhes curativos e não ir simplesmente para a cadeia. Isso deve ser feito durante o recreio ou intervalo, usando o uniforme usual do setor.

·         Integração entre escola e pais, tanto do agressor quanto da vítima: quanto mais se conhece as pessoas, mais elas se envolvem e menos coragem têm para fazer mal umas às outras. Mudanças destes alunos para outras escolas não são indicadas. Todos aprenderão na correção dos erros praticados e não através dos erros cometidos. 

comentários[1]

26

abr
2011

Liderar

"Toda pessoa é líder, pois toda pessoa influencia alguém. Nem todos se tornaram grandes líderes, mas todos podem se tornar líderes melhores."

comentários[0]

26

abr
2011

Você sabe o que é liderança?

Fred Smith afirma: "liderança é fazer as pessoas trabalharem para você quando não são obrigadas." Isso só acontece quando você atinge o estágio da influência.

comentários[0]

26

abr
2011

Liderança é atitude!

As pessoas só fazem o que têm de fazer quando se exige que façam. Baixa disposição de ânimo está sempre presente. Quando um líder não tem confiança, os seguidores não têm compromisso. 

comentários[0]

26

abr
2011

É Só Acreditar - Jamily

É Só Acreditar - Jamily

comentários[0]

26

abr
2011

Impossível - Motivação Pessoal

Impossível - Motivação Pessoal

comentários[0]

26

abr
2011

Os 10 Mandamentos do Líder

Os 10 Mandamentos do Líder

comentários[0]

25

abr
2011

[3-3] Dr. Rodrigo Silva no Programa do Jô

[3-3] Dr. Rodrigo Silva no Programa do Jô

comentários[0]

25

abr
2011

Dr. Rodrigo Silva no Programa do Jô - Parte 2 de 3

Dr. Rodrigo Silva no Programa do Jô - Parte 2 de 3

comentários[0]

25

abr
2011

Jô Soares entrevista Rodrigo Pereira da Silva/1

Jô Soares entrevista Rodrigo Pereira da Silva 29/11/2010 /1

comentários[0]

25

abr
2011

Programa Sempre um Papo com Dráuzio Varella

Programa Sempre um Papo com Dráuzio Varella

comentários[0]

25

abr
2011

Programa Sempre um Papo com Içami Tiba

Programa Sempre um Papo com Içami Tiba

comentários[0]

25

abr
2011

Casos de dengue no Rio crescem 159% em 30 dias

Os casos de dengue confirmados na cidade do Rio de Janeiro, até o dia 25 de abril, somam 27.649 infectados, de acordo com balanço diário divulgado nesta segunda-feira (25) pela Secretaria Municipal de Saúde. Em 30 dias, o salto de notificações foi de 158,9%, quando havia 17.390 casos. 

Os bairros mais atingidos, considerando o número de casos de cada região, são Santa Cruz, com 2.963 notificações, Campo Grande (2.746) e Jacarepaguá (2.123). 

No entanto, quando verificada a proporção pelo número de imóveis, descobre-se que a zona sul não está livre da doença. Pelo contrário, dois bairros nobres da região têm os maiores índices de infestação pelo mosquito da dengue da capital fluminense e estão em vias, pelo menos formalmente, de epidemia. 

De acordo com os dados disponibilizados pela secretaria, em São Conrado o índice de manifestação está em 14,3 a cada mil imóveis - foram encontrados 143 áreas com focos. Na região da Lagoa o dado é ainda mais alarmante, com 16,3 a cada mil imóveis - foram encontrados 163 focos do Aedes aegypti. 

O índice de manifestação da cidade do Rio de Janeiro está em 3,4%. Quando essa taxa fica superior a 4%, segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), a região já estaria com alto risco de epidemia. O Ministério da Saúde aponta que índices acima de 1% já devem ser monitorados. 

Na opinião de Alberto Chebabo, chefe do Serviço de Doenças Infecciosas do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, da UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), a cidade está em vias de viver uma explosão dos casos de dengue. 

- O índice de infestação é um preditor [antecessor] de epidemia. Onde há muito mosquito há também grande possibilidade de epidemia, mas para disseminar a doença é preciso aliar três fatores: muito mosquito, um vírus forte ou novo em circulação e uma população suscetível. Os três fatores existem no Rio. A probabilidade é que em 2012 tenha mais casos que neste ano. Se continuar esse número crescente de notificações, a gente vai ter uma explosão dos casos. 

Municípios em atenção 

No entanto, os municípios de Bom Jesus de Itabapoana, Santo Antônio de Pádua, Cantagalo, Mangaratiba, Cordeiro, Guapimirim, Seropédica, Magé, Silva Jardim, Cabo Frio, Macuco, Iguaba Grande, Quissamã, Rio das Ostras, Angra dos Reis, Mesquita, Vassouras e Cambuci são observados com maior precaução por apresentarem maior risco epidêmico. 

comentários[2]

25

abr
2011

Liam McNally - Britain's Got Talent 2010

Liam McNally - Britain's Got Talent 2010

comentários[0]

25

abr
2011

Susan Boyle

Susan Boyle

comentários[0]

25

abr
2011

Paul Potts sings Nessun Dorma

Paul Potts sings Nessun Dorma

comentários[0]

25

abr
2011

Como trabalhar melhor (3 de 3)

Como trabalhar melhor (3 de 3)

comentários[0]

25

abr
2011

Como trabalhar melhor (2 de 3)

Como trabalhar melhor (2 de 3)

comentários[0]

25

abr
2011

Como trabalhar melhor (1 de 3)

Como trabalhar melhor (1 de 3)

comentários[0]

25

abr
2011

Gestão Empresarial -

Gestão Empresarial - 

comentários[0]

25

abr
2011

WWF-Brasil - Mundo

WWF-Brasil - Mundo

comentários[0]

25

abr
2011

Consciência Ambiental WWF

Consciência Ambiental WWF

comentários[0]

25

abr
2011

Consciência ambiental

Consciência ambiental

comentários[0]

24

abr
2011

FONTE DE ESPERANÇA - TATIANA COSTA

FONTE DE ESPERANÇA - TATIANA COSTA

comentários[0]

24

abr
2011

Sou Seu Anjo-Leonardo Gonçalves e Tatiana Costa

Sou Seu Anjo-Leonardo Gonçalves e Tatiana Costa

comentários[0]

24

abr
2011

Leonardo Gonçalves - Moriá

Leonardo Gonçalves - Moriá

comentários[0]

Assinar RSS

mais buscadas

2004-2011 Educação Adventista Todos os direitos reservados.