Portal da Educao Adventista

*Professor Genivaldo *

31

ago
2012

População brasileira ultrapassa 193 milhões, aponta IBGE

 

Estimativa do instituto aponta que Brasil tem 193.946.886 habitantes, com dados do dia 1º de julho de 2012. São Paulo é o Estado mais populoso com 41 milhões

Julien Pereira/Fotoarena   São Paulo é o Estado mais populoso do País, seguido de Minas Gerais e Rio de Janeiro

 

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulga nesta sexta-feira a estimativa da população brasileira. Publicada na edicação de hoje do Diário Oficial da União, o estudo concluiu que o Brasil tem uma população de 193.946.886 habitantes, 3.191.087 a mais do que em 2010, quando a população chegou a 190.755.799 .

 

Ainda de acordo com a publicação, o Estado mais populoso é São Paulo, com 41.901.219 habitantes - 21,6% da população brasileira. O segundo lugar ficou com Minas Gerais, com 19.855.332 (10,2%). Já o Rio de Janeiro , com 16.231.365 (8,3%), alcançou o terceiro lugar. O Estado menos populoso do País é Roraima, com 469.524 habitantes (0,24%), seguido do Amapá, com 698,60 mil (0,36%), e Acre, com 758,78 mil (0,39%).

 

Municípios


Entre as capitais, São Paulo continua sendo a cidade mais populosa, com 11,37 milhões de habitantes, seguida por Rio de Janeiro (6,39 milhões), Salvador (2,71 milhões), Brasília (2,64 milhões) e Fortaleza (2,50 milhões). Em relação a 2010, não houve mudança na lista dos 15 municípios mais populosos. Juntos, esses municípios somam 40,75 milhões de habitantes e representam 21,02% da população.

 

Veja outras divulgações do Censo 2010

 


Fora das capitais, os municípios mais populosos são Guarulhos (1,24 milhão), Campinas (1,09 milhão), São Gonçalo (1,01 milhão), Duque de Caxias (867,06 mil), Nova Iguaçu (801,74 mil) e São Bernardo do Campo (774,88 mil). Já o ranking das cidades menos populosas, Borá (SP) e Serra da Saudade (MG) ficam empatados na primeira colocação com 807 habitantes.

 

O instituto concluiu a pesquisa com data de referência em 1º de julho de 2012, com dados elaborados para o ano de 2011 e com o Censo Demográfico 2010. O Sistema de Projeções da População do Brasil, atualizado com as informações do Censo Demográfico 2010, tem sua conclusão prevista para o ano de 2013.

 

Fonte: IG

comentários[1]

29

ago
2012

Brasileiro cria privada ecológica q transforma dejetos pó

 

Privada ecológica, que transforma os dejetos em pó pela ação do cal. Foto: Divulgação/Agência Brasil

Privada ecológica, que transforma os dejetos em pó pela ação do cal
Foto: Divulgação/Agência Brasil

 

Uma privada ecológica, idealizada por um inventor brasileiro, pode revolucionar a área de saneamento básico. Durante seis anos, Mario Benedito da Silva, morador de uma área de garimpo em Rondônia, dedicou-se a pesquisar como fazer para que os dejetos não fossem lançados em riachos nem no solo e não contaminassem o meio ambiente.

 

O despejo de efluentes in natura nos rios é proibido por lei. E, como os garimpos têm buracos ou fossas, nas dragas, usadas como banheiro, os dejetos eram despejados diretamente nos rios, contrariando a legislação.

 

A partir da identificação do problema, o inventor criou, então, a privada ecológica, que transforma os dejetos em pó, pela ação do cal, que tem o poder de matar qualquer tipo de bactéria e promove o reaproveitamento dos resíduos. Segundo Mario Benedito da Silva, o material pode ser aproveitado na construção civil e como adubo para a terra. "Não polui solo, subsolo, lençol freático, camada de ozônio. E ainda reaproveita aquilo que era um grande problema, que é o rejeito humano, para a construção civil e, no campo, para adubo. Porque as fezes têm nitrogênio, fósforo, potássio, além do cal, que regula a acidez".

 

Com o apoio da Associação Nacional dos Inventores (ANI), ele iniciou uma pequena produção de 70 privadas para uma empresa que atua no garimpo em seu estado. As unidades vão substituir as fossas nas dragas. A empresa entrou com o material e Mario Benedito com a mão de obra. Além disso, o inventor já vendeu 50 privadas para moradores de Porto Velho, Roraima, e também do Amazonas e Amapá.

 

O presidente da ANI, Carlos Mazzei, considera a privada criada por Mario Benedito um produto revolucionário, inclusive por não precisar de água. "Em 25 anos de trabalho, essa é uma das melhores, senão a melhor invenção que apareceu aqui", disse. Para ele, a privada ecológica poderia ser uma solução para favelas no Brasil e em outros países em desenvolvimento. "Acaba o problema de rede de esgoto no Brasil e no mundo".

 

Benedito disse, porém, que não tem condições de produzir para o grande mercado. "Para produzir mil peças por dia, eu precisaria, no mínimo, de R$ 2,5 milhões", conta o inventor que já conseguiu a patente do produto. Ele conta que apresentou à Fundação Bill e Melinda Gates, que apoia projetos de desenvolvimento em países pobres, pedido de financiamento para a produção em larga escala. O pedido foi feito por e-mail.

 

O modelo do inventor brasileiro é confeccionado em chapa de ferro e revestido de aço inoxidável no interior. Mario Benedito disse que, a despeito de ter pedido financiamento internacional, também gostaria de saber do interesse do governo federal ou de alguma prefeitura, em instalar privadas tecnológicas em favelas.

 

Há 25 anos, a ANI assessora os inventores independentes que têm uma ideia inovadora e não sabem como colocar esse projeto no mercado. Mazzei destaca que é importante os inventores patentearem suas inovações, como fazem os que criam produtos inovadores em institutos de pesquisa, "porque, no Brasil, a Lei de Patentes é muito clara: é dono do invento quem patenteia primeiro. Não quem inventa primeiro, como ocorre nos Estados Unidos".

 

Fonte: Terra

comentários[1]

26

ago
2012

Idosa guarda namorado morto p/ 1 ano e meio pra não ficar só

 

Uma idosa manteve o corpo do namorado morto em uma cadeira por um ano e meio para que ele "assistisse" TV com ela. Linda Chase, 72 anos, afirmou que manteve o cadáver de Charles Zigler limpo e vestido na casa onde eles viviam, no sul do Estado americano de Michigan. Ela conversava frequentemente com o namorado morto, especialmente enquanto assistia a corridas de automóveis.

 

"Não é que eu não tenha coração. Eu não queria ficar sozinha. Ele era o único homem que já foi bom para mim", disse Linda Chase. A polícia do condado de Jackson encontrou o corpo de Zigler em uma cadeira da sala de estar na semana passada.

 

Autoridades acreditam que o homem tenha morrido de causas naturais aos 67 anos em dezembro de 2010, mas a mulher disse que foi em dezembro do ano passado. A idosa afirmou que não havia mau cheiro.

 

Linda Chase não foi presa, mas está sendo investigada por suspeita de fraude financeira. Ela admite que pegou cheques de benefícios do namorado após a morte dele. "Eu provavelmente vou para a prisão", disse a mulher. "Eu disse a eles a verdade. Não menti em relação a isso", afirmou.

 

Autoridades acreditam que a investigação levará tempo. "É um caso bizarro. Não há outro jeito de descrevê-lo", disse Mark Blumer, promotor do condado de Jackson.

 

O filho de Charles Zigler, Wally Zigler, 48 anos, disse que o pai trabalhava em uma loja de máquinas e recebia seguro social, cheques de pensão e benefícios de veterano militar. Ele afirmou que tentou ver o pai, mas Linda Chase não o deixou entrar na casa. "Não foi certo deixá-lo lá daquele jeito", disse Wally Zigler.

 

Com informações do Daily Mail via Tribuna 

comentários[3]

26

ago
2012

Futebol: Para que servem a meia-lua e a pequena área?

 

Mesmo a gente não entendendo muito bem para que servem essas marcações, já nos acostumamos tanto que um campo de futebol sem elas fica meio capenga. Por isso, Placar e Mundo Estranho explicam a utilidade desses dois desenhos e da bandeirinha de escanteio.

 

image

 

 

 

 

 

1. MEIA-LUA

É a parte visível de um círculo que tem como centro a marca do pênalti. A principal função dela é na hora da cobrança de uma penalidade máxima. Antes de o cobrador chutar a bola, os demais jogadores devem estar atrás das linhas da grande área e da meia-lua.

 

2. PEQUENA ÁREA

Tem duas funções. Na cobrança do tiro de meta, a bola não pode estar fora da pequena área. Já quando há uma falta em dois lances (um "pé alto", por exemplo) na pequena área, a bola deve ser colocada sobre a linha dela e a barreira na linha do gol. Para o ex-árbitro e hoje comentarista José Roberto Wright, há ainda uma terceira função: "Dentro da pequena área, o goleiro não pode ser tocado no ar". Outro ex-árbitro, Emídio Marques de Mesquita, discorda: "O goleiro só não pode ser acossado quando estiver com a bola". Na regra, não há menção a esse suposto "território de proteção ao goleiro".

 

3. BANDEIRA DE ESCANTEIO

É só uma referência visual que orienta todos em relação à linha lateral e à linha de fundo. A bandeirinha deve ter altura mínima de 1,50 metro. A colocação desse referencial no meio do campo é opcional. Vale lembrar que a bandeirinha não pode ser removida na hora de bater o escanteio. O jogador também não deve se apoiar nela durante a disputa de um lance. Se isso ocorrer, é falta.

 

Fonte: Mundo Estranho

comentários[0]

26

ago
2012

Horas de TV colocam mais açúcar e gordura n dieta d crianças

 

A maioria das crianças que passa mais de duas horas em frente à TV consome açúcar e gordura acima do recomendado para a idade, segundo estudo da Universidade de Alberta, no Canadá, publicado na edição de agosto da Public Health Nutrition. Pesquisadores descobriram que mais da metade das crianças entre 3 e 5 anos avaliadas bebem ao menos uma lata de refrigerante por semana enquanto assistem aos programas de televisão ou jogam videogame. O índice revelou números distintos entre os níveis sociais, afetando mais os moradores de áreas pobres (54,5%) do que o de outras áreas (40,8%).

 

Os pré-escolares de baixa renda consomem, também, pouco leite diariamente, mas ingerem suco de frutas com regularidade, líquido que possui  bastante açúcar na composição. "Se você está bebendo muito refrigerante e suco de frutas, pode afetar o consumo de água e leite que são importantes não só para matar a sede, mas para o desenvolvimento de ossos e dentes saudáveis, da saúde e do bem-estar em geral", afirmou Kate Storey, nutricionista e co-autora do estudo.

 

O grupo examinou, ainda, que batata frita, doces e chocolate são os petiscos preferidos das crianças quando estão dentro de casa vendo televisão. Segundo Kate, o "padrão alarmante" sugere que as famílias escolhem alimentos calóricos porque são baratos e convenientes no preparo. "Há cidades na América do Norte em que, literalmente, você tem desertos alimentares. Se você quiser comprar um pouco de alface e tomate, tem de andar bastante quando, provavelmente, não tem um carro."

 

Só 30% (menos de um terço) comem frutas e legumes na proporção adequada, e outros 23,5% consomem uma dieta recomendada com grãos. Cerca de 1.800 crianças em idade pré-escolar da região de Edmonton foram avaliadas em um trabalho que relaciona dieta, atividade física e obesidade feito por profissionais dos departamentos de Educação Física, de Medicina, de Odontologia e da Faculdade de Saúde Pública.

 

Fonte: UOL

comentários[1]

26

ago
2012

Há 58 anos, Getúlio Vargas se suicidava e deixava carta

 

Pai dos pobres, mãe dos ricos, nacionalista, latifundiário e simpatizante do nazifascismo. O nome de Getúlio Vargas é pequeno para abrigar todas as facetas que já lhe foram dadas. Análogo ao presidente Perón, da Argentina, o gaúcho foi um político tão enigmático que até hoje está no imaginário da população brasileira. Não é para menos que o ex-presidente teve uma morte proporcionalmente tão polêmica quanto sua vida - com um tiro no coração e uma carta-testamento que moveu massas em 24 de agosto de 1954.




"Mais uma vez, as forças e os interesses contra o povo coordenaram-se e novamente se desencadeiam sobre mim. Não me acusam, insultam; não me combatem, caluniam e não me dão o direito de defesa. Precisam sufocar a minha voz e impedir a minha ação, para que eu não continue a defender, como sempre defendi, o povo e principalmente os humildes.



Sigo o destino que me é imposto. Depois de decênios de domínio e espoliação dos grupos econômicos e financeiros internacionais, fiz-me chefe de uma revolução e venci. Iniciei o trabalho de libertação e instaurei o regime de liberdade social. Tive de renunciar. Voltei ao governo nos braços do povo. A campanha subterrânea dos grupos internacionais aliou-se à dos grupos nacionais revoltados contra o regime de garantia do trabalho. A lei de lucros extraordinários foi detida no Congresso. Contra a justiça da revisão do salário mínimo se desencadearam os ódios. Quis criar liberdade nacional na potencialização das nossas riquezas através da Petrobrás e, mal começa esta a funcionar, a onda de agitação se avoluma. A Eletrobrás foi obstaculada até o desespero. Não querem que o trabalhador seja livre.



Não querem que o povo seja independente. Assumi o Governo dentro da espiral inflacionária que destruía os valores do trabalho. Os lucros das empresas estrangeiras alcançavam até 500% ao ano. Nas declarações de valores do que importávamos existiam fraudes constatadas de mais de 100 milhões de dólares por ano. Veio a crise do café, valorizou-se o nosso principal produto. Tentamos defender seu preço e a resposta foi uma violenta pressão sobre a nossa economia, a ponto de sermos obrigados a ceder.



Tenho lutado mês a mês, dia a dia, hora a hora, resistindo a uma pressão constante, incessante, tudo suportando em silêncio, tudo esquecendo, renunciando a mim mesmo, para defender o povo, que agora se queda desamparado. Nada mais vos posso dar, a não ser meu sangue. Se as aves de rapina querem o sangue de alguém, querem continuar sugando o povo brasileiro, eu ofereço em holocausto a minha vida.



Escolho este meio de estar sempre convosco. Quando vos humilharem, sentireis minha alma sofrendo ao vosso lado. Quando a fome bater à vossa porta, sentireis em vosso peito a energia para a luta por vós e vossos filhos. Quando vos vilipendiarem, sentireis no pensamento a força para a reação. Meu sacrifício vos manterá unidos e meu nome será a vossa bandeira de luta. Cada gota de meu sangue será uma chama imortal na vossa consciência e manterá a vibração sagrada para a resistência. Ao ódio respondo com o perdão.



E aos que pensam que me derrotaram respondo com a minha vitória. Era escravo do povo e hoje me liberto para a vida eterna. Mas esse povo de quem fui escravo não mais será escravo de ninguém. Meu sacrifício ficará para sempre em sua alma e meu sangue será o preço do seu resgate. Lutei contra a espoliação do Brasil. Lutei contra a espoliação do povo. Tenho lutado de peito aberto. O ódio, as infâmias, a calúnia não abateram meu ânimo. Eu vos dei a minha vida. Agora vos ofereço a minha morte. Nada receio. Serenamente dou o primeiro passo no caminho da eternidade e saio da vida para entrar na História."


Fonte: www.terra.com.br e www.uol.com.br/educacao

comentários[0]

25

ago
2012

Mistério: O que causou o Dia Escuro de 1780?

 

 
O fenômeno aconteceu em 19 de maio de 1780 na Nova Inglaterra (EUA) e Canadá, e foi conhecido como o Dark Day ou Dia Escuro. Pelo nome, você já entendeu: foi um dia escuro. Nos últimos 232 anos, historiadores e cientistas têm discutido a origem do evento: seria um vulcão, uma nuvem de fumaça, um asteroide, ou algo mais sinistro? Com o pouco conhecimento da época, as pessoas estavam com medo, e alguns advogados de Connecticut (EUA) achavam que estava ocorrendo o Julgamento Final, principalmente porque nos dias anteriores, tanto o sol quanto a lua tiveram uma luz avermelhada. Mas o que poderia ter acontecido naquele dia de 1780?
O Departamento de Meteorologia apontou que uma nuvem espessa poderia baixar o suficiente para fazer as luzes das ruas acenderem e os carros terem que ligar os faróis. Mas é improvável que uma nuvem fosse capaz de causar todos os eventos do Dia Escuro. Um eclipse também foi descartado, por que esses eventos são previsíveis, e não há registro de um naquele dia. Além do mais, eclipses duram poucos minutos.
Outra possibilidade seria a erupção de um vulcão - a erupção do Eyjafjallajokull espalhou cinzas na atmosfera o suficiente para obrigar aeroportos a cancelarem pousos e decolagens por toda a Europa Setentrional. Além disso, as cinzas vulcânicas podem causar "dias amarelos". Só que não há registro de atividade vulcânica naquele ano de 1780, o que faz com que uma nuvem vulcânica seja improvável. E a queda de um asteroide também é improvável, embora não possa ser descartada.
A resposta para esse enigma pode estar nas árvores, acreditam alguns cientistas. Acadêmicos do Departamento de Silvicultura da Universidade do Missouri (EUA) analisaram troncos de árvores da Nova Inglaterra, em uma região em que prevalecem os ventos vindos do oeste. Eles encontraram anéis com marcas de incêndio datando daquela época.
O professor associado de geografia William Blake, da Universidade de Plymouth (EUA), aponta que houve uma seca na região em 1780, fazendo com que um incêndio seja provável. Mas um incêndio florestal poderia causar um escurecimento como o relatado? O professor Blake conta que testemunhou incêndios na Austrália e que, quanto maior o incêndio, mais ele escurece o céu. E a combinação de fuligem e neblina pode fazer cair uma escuridão.
O relato de testemunhas oculares dá força à hipótese do incêndio florestal, já que alguns relatam que sentiram um cheiro estranho que parecia com o de uma casa de malte ou um forno a carvão.
O curioso é que dias escuros não são novidade. William Corliss, físico e cronista de eventos inexplicáveis, conseguiu reunir o relato de 46 dias escuros entre 1091 e 1971. Um deles assustou a população da mesma região em 1950, causado por um incêndio em Alberta (EUA). Algumas pessoas acharam que se tratava de um ataque nuclear ou um eclipse solar, pois a escuridão era tanta que parecia meia-noite para quem acordasse ao meio-dia.
E você, tem alguma outra explicação para o misterioso Dia Escuro?
Fonte: BBC
Nota: Respondendo à pergunta feita no final, eu acredito que esse evento foi algo extraordinário que está no contexto dos sinais da Segunda Vinda de Jesus. Confira em Mateus 24:29 e Lucas 21:11. (Genivaldo)

comentários[0]

24

ago
2012

Pesquisa mostra que álcool aumenta risco de câncer

 

Cientistas da Universidade de Minnesota, nos Estados Unidos, divulgaram nesta quarta-feira (22) a primeira evidência de que a bebida alcoólica pode ser cancerígena. A descoberta surge quase 30 anos depois dos primeiros estudos da área levantarem uma ligação entre o consumo de álcool e certos tipos de tumor. Líder do estudo, a pesquisadora Silvia Balbo afirmou em encontro na Filadélfia que o corpo humano quebra as moléculas do álcool que existem na cerveja, no vinho e nos licores. Esse processo de metabolização forma o acetaldeído, que tem estrutura semelhante a de um composto conhecido por ser cancerígeno: o formadeíldo, ligado a tumores nos pulmões, no nariz, no cérebro e no sangue (leucemia) humano. A substância, diz Silvia, também traz sérios danos ao DNA, o que pode acarretar em anomalias no organismo da mesma forma como age o câncer.
"Nós, agora, temos a primeira evidência de que o acetaldeído processado após o consumo de bebida prejudica drasticamente o DNA", explicou Silvia no 244º Encontro Nacional da Sociedade Americana de Química.
A pesquisa foi feita em três semanas com dez voluntários que tinham de beber doses crescentes de vodca uma vez por semana. O grupo descobriu que os níveis de alteração do DNA aumentavam até 100 vezes horas após a ingestão da bebida, assim como nas células sanguíneas. Só após 24 horas é que as taxas voltavam ao normal.
Silvia alerta que a maioria das pessoas tem um mecanismo de defesa, a enizmadesidrogenase, que transforma o acetaldeído em acetato, uma substância inofensiva para o corpo. Além disso,  ela pontua, é pouco provável que o câncer se desenvolva em pessoas que bebam pouco ou apenas socialmente, apesar de o álcool estar associado a outros malefícios sociais.
No entanto, 30% dos asiáticos, cerca de 1,6 bilhão de pessoas, não têm essa enzima protetora. Como não conseguem "destruir"  a substância cancerígena, eles são mais propícios de adquirir câncer.

(UOL Notícias) Via Michelson Borges (Criacionismo)

comentários[0]

23

ago
2012

Degelo no Himalaia pode ser maior do que se pensava.

 

Cientistas apontam perda de 21 centímetros de gelo por ano na região.


Dados colhidos por satélite da Nasa não são conclusivos, diz pesquisador.

 

 

Imagem aérea da geleira e do lago de Imja, no Nepal, área do Himalaia. O lago surgiu em 1960, segundo cientistas (Foto: J. Kargel/Universidade do Arizona/Divulgação)Imagem aérea da geleira e do lago de Imja, no Nepal, região do Himalaia. O lago surgiu em 1960, segundo cientistas (Foto: J. Kargel/Universidade do Arizona/Divulgação)

Um estudo publicado na revista "Nature" nesta quarta-feira (22) mostra que o derretimento de gelo no Himalaia pode ser maior do que o estipulado no último levantamento,  divulgado em fevereiro deste ano.

Na pesquisa anterior, foram analisadas informações do satélite GRACE ("Experimento Climático e Reparação da Gravidade", na tradução do inglês). Cientistas estimaram, na época, que o Himalaia perdia cerca de cinco gigatoneladas de gelo por ano.

Para o novo estudo, foram usados dados de um satélite da agência espacial americana (Nasa) o ICESat, lançado em 2003 para medir mudanças na cobertura de gelo nas calotas polares.

O novo estudo mostra que o Himalaia perdeu 12 gigatoneladas de gelo por ano entre 2003 e 2008, mais do que o dobro do previsto anteriormente. Como o ICESat é preparado para medições nos polos, seus dados tiveram que ser revisados sistematicamente pelos cientistas, segundo a "Nature".

As geleiras do Himalaia incluem partes da China, Paquistão, Índia e Nepal, além do famoso Monte Everest e o K2, a segunda montanha mais alta da terra.

                           Região da geleira de Kimjung, no Himalaia (Foto:  S. Bajracharya/Divulgação)
Região da geleira de Kimjung, no Himalaia (Foto: S. Bajracharya/Divulgação)

Diminuição


O derretimento significou uma diminuição de 21 centímetros de gelo no Himalaia por ano, segundo o cientista que lidera a pesquisa, Andreas Kääb, da Universidade de Oslo (Noruega). O valor "ainda é menor do que a estimativa global para [o derretimento] de geleiras e calotas polares", segundo a Nature.

 

Kääb afirma que os dados não são conclusivos, já que há perda de gelo maior ou menor dependendo da região do Himalaia. No noroeste da Índia, por exemplo, as geleiras derreteram 66 centímetros por ano.

 

O resultado pode ser usado como base para pesquisas futuras, mas uma análise do destino das geleiras exigiria coleta de dados por décadas, afirma Kääb. Para ele, o objetivo maior do estudo é "mostrar uma nova forma de usar os dados do ICESat".

 

Em um primeiro estudo usando dados do satélite GRACE, em 2010, cientistas avaliaram que as geleiras do Himalaia e do planalto tibetano enfrentavam perda de cerca de 50 gigatoneladas de gelo por ano, devido ao derretimento. Este resultado, no entanto, foi refutado pela pesquisa de fevereiro deste ano, que avaliou os mesmos números e chegou a outra conclusão.

 

Imagem gerada por satélite mostra a região da geleira de Imja, no Nepal (Foto: T. Bolch/Universidade de Zurique/Divulgação)Imagem gerada por satélite mostra a região da geleira de Imja, no Nepal (Foto: T. Bolch/Universidade de Zurique/Divulgação)
Fonte: G1

comentários[0]

20

ago
2012

Cientistas derrubam mito do "mau-humor de segunda-feira"

 

Pesquisadores americanos afirmam que outros dias da semana provocam tanto mau-humor quando o primeiro.

 

Apesar do conhecido ódio às segundas-feiras, uma nova pesquisa diz que terças, quartas e quintas poder ser igualmente entediantes.

 

Pesquisadores americanos que fizeram uma enquete com 340 mil pessoas descobriram que o humor delas não é pior na segunda-feira do que em qualquer outro dia da semana, exceto nas sextas-feiras.

 

A pesquisa revelou entrevistados mais felizes no dia que antecede o fim de semana, o que fortalece a ideia de que a sexta-feira traz 'um sentimento especial'.

 

Os autores da pesquisa disseram à publicação 'Journal of Positive Psychology' que a ideia de segundas-feiras horríveis deve ser descartada.

 

'Os mitos culturais podem estar enfatizando demais os padrões de humor de um único dia da semana', afirmou o professor Arthur Stone, da Stony Brook University, em Nova York, que conduziu o estudo.

 

Cientistas derrubam mito do 'mau-humor de segunda-feira' (Foto: BBC)Cientistas derrubam mito do 'mau-humor de segunda-feira' (Foto: BBC)

A equipe de Stone também diz ter descreditado as afirmações de que a segunda-feira da última semana de janeiro, conhecida como 'segunda-feira triste' é o dia mais deprimente do ano inteiro.

 

Os pesquisadores analisaram dados de uma enquete do instituto Gallup feita por entrevistas telefônicas.

 

Segundo eles, as pessoas dizem se divertirem mais e terem menos preocupações nas sextas-feiras, sábados e domingos, em comparação com outros dias da semana.

 

E é este contraste entre o humor do domingo e o de segunda-feira que faz com que o primeiro dia útil seja injustamente julgado, de acordo com Stone.

 

Fonte: G1

comentários[1]

19

ago
2012

Aranha "pé-grande" é descoberta em cavernas nos E. Unidos

 

Aspecto assustador e grandes patas chamaram a atenção de cientistas.


Espécie é pequena, com 4 cm de tamanho, e produz teias rudimentares.

 

 

Aranha macho do gênero Trogloraptor descoberta nos EUA (Foto: Charles Griswold/Divulgação)Macho do gênero 'Trogloraptor', que foi descoberto nos EUA (Foto: Charles Griswold/Divulgação)

Uma aranha de grandes patas, apelidada de "pé-grande" pelos cientistas, foi descoberta em cavernas na região sudoeste do estado do Oregon e em florestas da Califórnia, nos Estados Unidos. O aspecto da aranha e o habitat chamaram tanto a atenção dos pesquisadores que eles batizaram o gênero de Trogloraptor ("bandido da caverna", na tradução do latim).
 

A descoberta foi obra de uma equipe da Academia de Ciências da Califórnia, em conjunto com pesquisadores da ONG Conservação das Cavernas do Oeste.

 

Ao mesmo tempo, cientistas da Universidade Estadual de San Diego, também nos Estados Unidos, encontravam animais do mesmo tipo em áreas de floresta na Califórnia.

 

As aranhas do gênero Trogloraptor criam teias rudimentares dentro de cavernas. De tamanho pequeno, ela chega a ter quatro centímetros com as pernas abertas. As grandes quelíceras e as patas enormes sugerem que estes animais são predadores de insetos, mas cientistas ainda não conseguiram identificar o comportamento da espécie.

 

Os pesquisadores acreditam que a existência da Trogloraptor vai causar uma "revolução" nos estudos de evolução das aranhas. O estudo aponta que o animal é parente próximo das Oonnopidae, uma família de aracnídeos pequenos e de hábitos noturnos.

 

A descoberta é tão importante que a aranha "pé-grande" deu origem a uma família nova, a Trogloraptoridae.

 

Fonte: G1

 

comentários[0]

19

ago
2012

Brasil está entre países líderes em número de ex-fumantes

 

No quesito, brasileiros estão atrás apenas do Reino Unido e dos EUA.


País é também o que tem menor número de homens fumantes.

 

O Brasil está entre os países com maiores taxas de fumantes que abandonaram o vício, segundo um estudo divulgado nesta quinta-feira (16) pela revista médica "The Lancet". O país também tem a menor taxa de homens fumantes em relação ao total da população, comparado com os outros países analisados.

 

Segundo o levantamento feito entre outubro de 2008 e março de 2010, 46,4% dos homens brasileiros e 47,7% das brasileiras que disseram que já fumaram diariamente no passado tinham abandonado o vício. O número é o terceiro mais alto da pesquisa, atrás apenas do Reino Unido (com 57,1% para os homens e 51,4% para as mulheres) e dos Estados Unidos (48,7% e 50,5%, respectivamente).


Em quarto lugar, o Uruguai também apresenta um bom resultado, com 42,8% de homens e 41% de mulheres ex-fumantes. A pior situação é encontrada na China (12,6% de homens e 16,8% de mulheres) e na Índia (12,1% e 16,2%).

 

A pesquisa avaliou o hábito de fumar nos Estados Unidos, no Reino Unido e em 14 países de "baixa ou média renda": Brasil, Bangladesh, China, Egito, Índia, México, Filipinas, Polônia, Rússia, Tailândia, Turquia, Ucrânia, Uruguai e Vietnã.

 

De acordo com os autores, há uma "epidemia global de uso de tabaco" nos países em desenvolvimento no século 21. O fumo, segundo o estudo, "causa cerca de 9% das mortes no mundo". "De acordo com a Organização Mundial da Saúde, seis milhões de pessoas morrem por causas ligadas ao tabaco todos os anos", diz a pesquisa.

 

O levantamento mostra que em todos os países estudados o fumo é um hábito mais comum entre homens do que entre mulheres, mas que o uso do tabaco por elas está aumentando e começando cada vez mais cedo.

 

De todos os países estudados, o Brasil tem a menor porcentagem de homens fumantes: 21,6%. Em segundo lugar vem o Reino Unido, com 22,8% e os Estados Unidos, com 24%.


Entre as mulheres, o país está em décimo: 13,1% das mulheres brasileiras fumam - 11,5% diariamente. O país com menor quantidade de mulheres fumantes é o Egito, com 0,5%, seguido pelo Vietnã, com 1,4%.

 

A Rússia lidera a porcentagem de homens fumantes na população, com 60,2% da população masculina admitindo o hábito - 55% fumam todos os dias. Entre as mulheres, a liderança é da Polônia: 24,4% delas fumam - 21% diariamente. Em números absolutos, a liderança é da China, com 301 milhões de usuários de tabaco, seguida pela Índia, com 275 milhões.

 

Vigitel


Os dados mais recentes do Ministério da Saúde sobre o fumo na população brasileira trazem um panorama mais positivo. Segundo a última pesquisa Vigitel (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico), divulgada em abril de 2012, 18,1% dos homens brasileiros e 12% das mulheres admitem ser fumantes.

 

Fonte: G1

comentários[0]

Clima Tempo