Portal da Educao Adventista

*Professor Genivaldo *

31

out
2014

Bruxas ou Bíblia?

 

Hoje é dia 31 de outubro. Essa data lembra alguma coisa? Provavelmente, por causa do que falam por aí, você vai dizer que hoje é "Dia das Bruxas" ou "Halloween". É um evento que ocorre, em especial, nos Estados Unidos, Canadá, Irlanda e Reino Unido.


Não se sabe bem a origem da data, mas tem que ver com cultos pagãos da antiga Europa e com tradições que conduzem ao Dia dos Mortos. Pessoas, sobretudo crianças, saem de casa fantasiadas de bruxas ou bruxos, ou mesmo de monstros, em uma estranha forma de festejar nem se sabe bem o que, e pedem "doces ou travessuras".


Mas vou tentar começar de novo e perguntar novamente se esta data, 31 de outubro, lembra alguma coisa para você. Não? Só mesmo o Dia das Bruxas? Pois então vou refrescar sua memória. No dia 31 de outubro de 1517, Martinho Lutero, aquele monge que estudou profundamente a Bíblia num tempo em que isso era proibido, fez algo que marcou a história de todos os cristãos.


Naquele dia, na porta do castelo de Wittenberg, Lutero fixou suas 95 teses, ou seja, novas explicações sobre alguns temas bíblicos. Naquelas linhas, ele questionava certas atitudes que estavam sendo tomadas por religiosos que tinham o poder na época. Ele relembrava as verdadeiras ordens de Cristo e colocava a Bíblia como centro das atenções.


A
gora aproveito para fazer outra pergunta a você: É mais importante lembrarmos o Dia das Bruxas ou a Bíblia e suas verdades eternas?


O
tempo vai passando e o que vemos é o Halloween sendo exaltado nas lojas de brinquedos, nos supermercados, nos shoppings, nas escolas e até mesmo em algumas igrejas. Virou moda comemorar essa festa estranha.


Há pessoas por aí que sabem o que fazer no Dia das Bruxas, mas não sabem quem foi Lutero, não conhecem o que a Bíblia diz e não sabem nada sobre Jesus.


Nunca é tarde para lembrar o que realmente vale a pena. Eu e você podemos colaborar para que isso aconteça. A Bíblia precisa entrar na mente e na vida das pessoas. Por isso, se alguém disser para você que hoje é dia de comemorar as bruxas, diga que não. Diga que hoje é dia de comemorar a Bíblia e as verdades maravilhosas que ela contém. E, para saber mais sobre Lutero, leia os textos dos dias 17 e 18 de abril.


F
eliz Dia da Bíblia para você!


Fonte: Inspiração Juvenil 2014 - CPB

comentários[2]

28

out
2014

Por que temos que comer mais salgado do que doce?

 

Sweet_barbapapa

 

Porque, além de terem muitas calorias, os doces não têm todos os nutrientes de que precisamos. Mas não existem apenas alimentos doces e salgados. O que chamamos no dia-a-dia de doces são os alimentos da classe dos açúcares, e, muitas vezes, as frutas. Sobram outros seis grupos alimentares: cereais, vegetais, leguminosas, leite, carne e gorduras - e temos que comer um pouco de cada um deles. Mesmo assim, é verdade que os doces devem ser consumidos com moderação."Como os doces têm uma concentração alta de energia, inibem a fome, o que impede a ingestão de outros alimentos e, portanto, outros nutrientes", diz a nutricionista Renata Padovani, da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Quando ingerimos uma refeição doce, procuramos mais comida mais cedo e engordamos.

 

Compare abaixo como seria um cardápio de cerca de 2 mil calorias (necessidade média de uma pessoa durante um dia) com alimentos considerados doces (açúcares, frutas e refrigerante) e outro só com salgados (carnes, saladas e massas). Vai encarar? :-P

 

MC LANCHE MALUCO


Compare os nutrientes de dois cardápios fictícios: um só de doces e outro só de salgados!


SALGADOS


Arroz cozido lasanha cozida feijão cozido batata frita tomate alface lisa cozinha de frango frita contrafilé grelhado pão francês pão de queijo assado manteiga com sal = 1916 calorias


Sem frutas e com poucas verduras no prato, aumentam os riscos de desenvolver doenças crônicas, como diabete, obesidade, hipertensão e câncer. Para piorar, o cardápio é muito pobre em cálcio.

 

DOCES


Refrigerante tipo guaraná leite de vaca achocolatado biscoito doce recheado de chocolate banana maçã paçoca de amendoim cereal matinal de milho com açúcar biscoito wafer de morango = 1924 calorias


Muito açúcar e gordura trans, poucas fibras, vitaminas e minerais. A falta do consumo de verduras e frutas associada ao consumo de gorduras trans é uma bomba-relógio para o organismo.

 

Fonte: Mundo Estranho

Obs.: Siga as orientações da "mamãe" qur você não erra. kkkkkk

comentários[2]

24

out
2014

Lista 7 alimentos que tiram a fome e não engordam

A principal maneira de evitar a fome exagerada nas refeições principais e aquela vontade de beliscar guloseimas entre o almoço e o jantar é ingerir alimentos que matam a fome e garantem sensação de saciedade prolongada.
 
De acordo com a nutricionista Maria Fernanda Vischi D'Ottavio, do Hospital do Coração (Hcor), alimentos ricos em fibras, como verduras, legumes e cereais integrais, garantem sensação de saciedade porque demoram mais para serem digeridos pelo organismo. Outra dica da especialista é apostar nos lanches intermediários pouco calóricos, para estender a saciedade e manter o metabolismo acelerado.
 
Alimentos que saciam e não engordam:
Para não prejudicar a dieta e acelerar a perda de peso, a dica é investir nos alimentos que saciam e não engordam. Veja quais são eles: 
 
Barra de cereais: indicadas para os lanches intermediários, as barras de cereais, de preferência as light, não engordam e são ricas em fibras, o que garante a saciedade.
 
Arroz integral: também rico em fibras, o arroz integral pode ser consumido no almoço por quem quer evitar que a fome volte logo.
 
Gelatina: contém proteína, nutriente que demora a ser digerido, e é rica em água, que ajuda a preencher o estômago.
 
Legumes cozidos: são uma ótima opção para as refeições principais porque tem baixo valor calórico, são ricos em nutrientes e fibras.
 
Aveia: rica em fibras, a aveia também está na lista dos alimentos ricos em fibras que estendem a sensação de saciedade. Pode ser usada no café da manhã para incrementar salada de frutas e iogurtes.
 
Frutas: pouco calóricas e ricas em fibras, as frutas são ideais para quem precisa estender a sensação de saciedade entre uma refeição e outra.
 
Folhas verdes: folhas verdes, usadas no preparo de saladas ou de sucos detox, também saciam e não engordam. Devem ser ingeridas por quem está de dieta e deseja enganar a fome.
 
 
Fonte: iTodas - via Lake Villas

comentários[3]

23

out
2014

Como as aves marinhas eliminam o sal da água que ingerem?

 

600px-Larus_novaehollandiae_-_Austin's_Ferry

 

A maior parte do sal ingerido pelas gaivotas, albatrozes, pelicanos e outras aves marinhas é eliminada por um par de glândulas localizadas abaixo dos olhos, chamadas de glândulas de sal. Sem elas, esses pássaros, que chegam a passar meses em alto-mar, bebendo água e se alimentando de peixes, não conseguiriam sobreviver. Quando a ave ingere a água do mar, o sal entra na corrente sanguínea e é conduzido às glândulas para filtragem. Esses microórgãos têm uma estrutura similar à dos nossos rins. O sangue entra neles por capilares localizados ao lado de células secretoras, que têm a função de fazer a dessalinização. O sal extraído por essas células passa para tubos secretores conectados à cavidade nasal e em seguida é eliminado pelas narinas em forma de líquido. É por isso que dá para ver uma mancha branca na região do bico do pássaro.

 

Parte do sal também é excretada pelos rins, por meio da mistura de fezes e urina, mas em quantidades muito menores que as expelidas pelas glândulas de sal, órgãos que também são encontrados em répteis marinhos.

 

Fonte: Mundo Estranho

 

Nota: Por essas e muitas outras que eu vejo a atuação do Deus da criação.

comentários[3]

22

out
2014

Qual é a origem da expressão "nem que a vaca tussa"?

 

Dilma diz que não reduz direitos trabalhistas "nem que a vaca tussa".

17/09/2014

 

Que história é essa de vaca tossir?

 

 

Na frase original e completa é "nem que a vaca tussa e o boi espirre", significa que algo não será feito nem que algo de extraordinário possa acontecer. Porém, este provérbio não tem nenhum fundo de verdade, já que uma vaca tossir e um boi espirrar não é algo difícil de acontecer.

 

"Como os homens, os bovinos tossem toda a vez que a traqueia passa por algum processo irritativo. Isso acontece por várias razões, como a presença de secreções e de larvas de parasita ou a compressão do órgão". O mesmo vale para o espirro. "Se entendermos o espirro como uma descarga nasal, o boi espirra sempre que houver uma sobrecarga de suas vias".

 

Mas se é assim, como surgiu esta expressão? - Ela se baseia no fato de que os homens espirram com muito mais frequência que os bovinos. "Nossas vias nasais são menores e, por isso, tem mais chance de entupir. Além disso, estamos mais suscetíveis a pegar doenças respiratórias que os animais, principalmente durante o inverno".

 

Fonte: http://hridiomas.com.br

comentários[2]

17

out
2014

Cristóvão Colombo se livrou da morte graças a um eclipse

 

Como você sabe, Colombo "descobriu" a América em 1492, quando aportou com suas embarcações a uma ilha a noroeste de Cubaà qual ele batizou de San Salvador. Mas, segundo uma incrível história publicada pelo site Space.com, essa não foi a única vez que o genovês se aventurou por estas bandas. Ao longo de 10 anos após o descobrimento, o explorador fez outras quatro viagens ao novo mundo e, durante a última delas, ele se viu na maior enrascada.


Em maio de 1502, depois de partir do porto de Cádiz, na Espanha, com as embarcações Gallega, Santiago de Palos, Vizcaína e Capitana rumo à costa da América Central, Colombo foi obrigado a abandonar duas delas pelo caminho devido a uma infestação de cupins-do-mar. Os navios restantes acabaram chegando ao norte da costa da Jamaica em junho de 1503 e, em um primeiro momento, os náufragos foram bem recebidos pelos nativos.

 

Visitantes sem noção


Contudo, você já se viu na situação de receber aquelas visitas sem noção que nunca vão embora? Então, depois de alguns meses, os nativos começaram a se cansar de fornecer alimentos e abrigo em troca das bugigangas que os estrangeiros usavam como moeda, e foi apenas uma questão de tempo até que a situação se tornasse tensa.

 

Para piorar, a tripulação de Colombo se rebelou contra os anfitriões e acabou roubando e matando alguns dos nativos. Vendo que ficaria sem saída, o genovês esperto bolou um plano. Naquela época, um item indispensável em qualquer viagem - considerado tão importante quantos mapas e bússola - era um almanaque de autoria de Johannes Müller von Königsberg, um famoso astrólogo, cosmógrafo e matemático alemão, e nenhum marinheiro saía de viagem sem ele.


Esse livro bendito continha informações detalhadas sobre a Lua, o Sol e os planetas, assim como listas das principais estrelas e constelações de interesse para os navegadores. Mais importante ainda para Colombo, o almanaque trazia tabelas que cobriam os principais eventos astronômicos de 1475 até 1506. O almirante, evidentemente, havia estudado o conteúdo da publicação com cuidado, e sabia que em fevereiro de 1504 ocorreria um eclipse total da Lua.

 

Pondo o plano em ação


Com essa preciosa informação em mãos, Colombo procurou o chefe dos nativos três dias antes do eclipse. O perspicaz genovês inventou que seu Deus cristão estava muito, muito, aborrecido com os locais porque eles haviam decidido deixar de fornecer teto e comida aos estrangeiros e que o todo-poderoso mostraria um sinal de sua fúria!

 

No período de três dias o altíssimo faria com que a Lua aparecesse inflamada pela ira no céu, e que isso seria o prelúdio de uma série de desgraças que se abateria sobre os nativos. Quando a Lua surgiu no terceiro dia, ficou claro que algo muito terrível estava acontecendo. Depois que apareceu completamente, não demorou para que uma pequena parte desaparecesse de sua extremidade inferior.

 

Trevas!


E você sabe como são os eclipses, não é mesmo? Pois, para a sorte de Colombo, os nativos não sabiam! Assim, pouco mais de uma hora depois do anoitecer, as trevas caíram sobre a Terra e a Lua pairava como se tivesse sido banhada de sangue. Segundo um dos filhos do almirante, Fernando, os habitantes locais ficaram aterrorizados e começaram a trazer provisões e abastecer os navios imediatamente, suplicando que Colombo intercedesse junto ao seu Deus.

 

Em troca do perdão divino e de que a Lua voltasse ao normal, os nativos prometeram que cooperariam com estrangeiros. Colombo, por sua vez, ainda bancou o importante, dizendo que precisava se retirar para debater a questão com o todo-poderoso. Durante esse período, o almirante ficou com os olhos grudados em uma ampulheta para não perder o desenrolar do eclipse e, algum tempo depois, retornou anunciando que os nativos haviam sido poupados.

 

E, como por milagre, a Lua começou a voltar ao normal gradativamente. Os nativos, aliviados, cumpriram com a promessa e mantiveram os homens de Colombo abastecidos e abrigados até que uma caravela enviada da Espanha chegasse e socorresse a tripulação alguns meses depois.

 

Fonte(s) Via Megacurioso  Space.com
Imagens Wikipédia 1Wikipédia 2

comentários[2]

16

out
2014

Uma aranha viva é retirada do peito de um homem após 3 dias

 

Embora algumas pessoas gostem de ter animais estranhos como bichinhos de estimação, tem gente que leva o conceito um pouco a sério demais. Dylan Thomas, morador da cidade de Bunbury, na Austrália, ganhou um pet inusitado em sua primeira viagem para Bali, na Indonésia. Uma pequena aranha tropical entrou no corpo do rapaz e permaneceu lá por três dias.

 

Aos 21 anos, o jovem acordou no meio da noite com uma sensação estranha. Ao olhar para sua barriga, ele viu uma bizarra trilha vermelha de aproximadamente 5 centímetros e que começava a partir do umbigo. "Era como se alguém tivesse riscado com a ponta de uma faca", explica Thomas.

 


Mais tarde na mesma noite, a marca vermelha cresceu aproximadamente mais 7 centímetros. Quando o rapaz foi ao hospital, os médicos disseram que aquilo era apenas uma "pequena" mordida de um inseto e receitaram uma pomada anti-histamínica para passar na linha vermelha.

 

Um alien dentro de mim

 

Depois, a situação piorou: a trilha no estômago não parava de crescer e começou a encher de pequenas bolhas de pus. "Foi nessa hora que começou a doer, eu senti que estava queimando por dentro", informa Thomas assustado. Aquilo era o veneno do inseto que estava vazando pela pele e deixando marcas.

 


Finalmente, no dia seguinte ele decidiu ver um dermatologista, que percebeu que aquilo era algo fora do comum. Após passar por uma cirurgia, os médicos extraíram uma aranha tropical viva do estômago do rapaz. Ela havia entrado por baixo da pele de Dylan a partir de uma cirurgia de apêndice que ele havia feito pouco tempo antes de viajar.

 

"Ela era um pouco maior do que a ponta de um fósforo", diz o rapaz. Questionado se gostaria de voltar para Bali, ele diz que sim; e ainda queria ficar com a aranha como presente - algo que não pôde, pois ela teve que ser levada para testes.

 

 

O verdadeiro Homem-Aranha

 

Após essa experiência assustadora, pelo menos Dylan ganhou o apelido de Spider-Man. "Demorou bastante para me convencer [do fato], mas eu não me sinto violado", brinca o rapaz. "Foi uma experiência muito bizarra. Só de saber que tinha algo como aquilo dentro de mim durante alguns dias".

 


Portanto, fique esperto: se uma risca vermelha surgir em seu corpo e começar a crescer, pode ser um novo bichinho de estimação querendo morar dentro de você ou um alien.

 

Fonte(s) Via Megacurioso  NT News  Perth Now
Imagens NT News

comentários[3]

15

out
2014

Origem do Dia dos Professores

 

A origem do Dia do Professor tem duas versões diferentes. Conheça as histórias.

 

Em 1963, o dia 15 de outubro foi declarado feriado escolar em homenagem aos professores, por decreto aprovado pelo presidente João Goulart e o então ministro da Educação, Paulo de Tarso. A explicação para a origem da data, no entanto, tem duas versões diferentes.

 

A primeira história que encontramos por aí vem da época de D. Pedro I. Em 15 de outubro de 1827, o imperador estipulou que toda vila, cidade e lugares mais populosos do Brasil criassem as primeiras escolas primárias do país, conhecidas na época como escolas de primeiras letras. O Dia do Professor seria, então, uma homenagem a esse marco da educação brasileira.

 

A segunda versão, mais difundida que a do período colonial, garante ao professor Salomão Becker a responsabilidade pela inclusão do Dia do Professor no calendário escolar. Em 1947, o professor, nascido em Piracicaba, lecionava no Ginásio Caetano de Campos, o "Caetaninho", na capital paulista.

 

Certo dia, o professor e mais três colegas conversavam a respeito do tamanho do segundo semestre letivo, que ia de 1° de junho a 15 de dezembro, com apenas 10 dias de férias nesse período. Os quatro professores tiveram a ideia de criar um dia de parada para o descanso e também para organizar as atividades do restante do ano. Os rumores dizem que o professor Salomão Becker sugeriu que o encontro acontecesse no dia 15 de outubro, data em que, na sua cidade natal, professores e alunos tinham o costume de organizar uma confraternização. 

 

Independentemente da veracidade dessas histórias, o dia 15 de outubro já é consagrado nacionalmente como o Dia do Professor.

 

Portanto, Parabéns a todos os professores.

 

Fonte: Revista Educação

comentários[3]

10

out
2014

Descubra quem está vivendo nos seus cabelos e cílios

 

Como você sabe, os nossos corpos são verdadeiros biomas ambulantes que servem de "lar" para incontáveis de espécies de fungos, bactérias, vírus e outros bichinhos, todos coexistindo em relativa harmonia. Por sorte, a grande maioria desses seres é invisível a olho nu, portanto, isso significa que - em condições normais - nem sequer nos damos conta de sua presença.

 

Aliás, ainda bem que não conseguimos enxergar essas criaturas mesmo, pois muitas delas têm aparências simplesmente horripilantes, sem falar que, embora sejam comuns e existam nos corpos de todo mundo, elas são bem nojentinhas!

 

Exemplos desses seres são o Demodex brevis e o Demodex folliculorum, duas espécies de ácaros que vivem apenas em humanos, especialmente no couro cabeludo, no rosto e parte superior do peito.

 

Demodex folliculorum


 

O Demodex folliculorum - o monstrinho de aparência desagradável da imagem acima - tem predileção por folículos pilosos e costuma se "reunir" com os amigos nos cílios. Aliás, como você pode ver na foto a seguir, eles se congregam nos poros foculares e as aquelas bolinhas amarelas são suas extremidades projetando-se para fora. Eca!

 

 

Veja a partir de outro ângulo, onde a coluna amarela rodeada por estruturas menores é, na verdade, um fio de cabelo, e os montinhos verdes que aparecem ao lado são as caudas dos Demodex:

 

 

Demodex brevis


O Demodex brevis, por sua vez, se reproduz nas glândulas sebáceas ligadas aos folículos pilosos e, apesar de não ter a aparência muito diferente do D. folliculorum, costuma ser menos "sociável" e prefere ocupar as glândulas sebáceas sozinho. Confira:

 

 

Mas não se preocupe, pois tanto o Demodex brevis como o Demodex folliculorum são diminutos - eles medem menos de 0,4 milímetros de comprimento, sendo que o D. brevis costuma ser um tiquinho menor do que o D. folliculorum - e seus corpinhos alongados são transparentes. Além disso, esses ácaros não vivem por muito tempo: seu ciclo de vida, ou seja, desde que saem de seus ovinhos e se transformam de larva a adulto, dura apenas entre 14 e 18 dias.

 

Olha aí uma reunião de Demodex folliculorum!


Esses dois monstrinhos se alimentam de células mortas e não costumam causar grandes problemas, a não ser que a "população" desses organismos se torne muito grande. Nesse caso, existe um debate entre os dermatologistas sobre o fato de o D. folliculorum e o D. brevis provocarem alguns problemas pele, como a rosácea - caracterizada por manchas avermelhadas e inflamação do tecido vascular - e a blefarite, uma inflamação das pálpebras.

 

Fonte(s) - via megacurioso
Imagens

comentários[1]

10

out
2014

´Mito ou verdade: os homens roncam mais do que as mulheres?

 

Só quem já ficou sem dormir por causa do ronco alheio sabe o quanto a barulheira que algumas pessoas fazem enquanto dormem incomoda. A verdade é que quando pegamos no sono os músculos que envolvem nossa garganta ficam relaxados, o que acaba espremendo nossas vias aéreas. Até aí, nada muito novo, afinal esse processo acontece com todo mundo. Então por que é que umas pessoas roncam e outras não?

 

O ronco é produzido quando o palato - o famoso "céu da boca" -, a úvula, que é a parte de tecido na região superior da garganta ou a base da língua relaxam demais e bloqueiam as vias respiratórias. Naturalmente, a pessoa vai precisar fazer mais esforço para respirar, o que acaba provocando vibrações nos tecidos moles próximos às vias aéreas.

 

Outros fatores

 

 

Se você acha que a história do ronco acaba aí, com essa questão muscular apenas, saiba que há outros fatores capazes de interferir na qualidade de sono de uma pessoa, sendo que os principais são a idade, já que com o passar dos anos é normal que se perca a força muscular; e o excesso de peso, pois a gordura acumulada no pescoço também obstrui as vias aéreas.

 

Outros fatores que contribuem para o ronco são: beber, fumar e apresentar problemas como congestão nasal. Quem dorme com a cabeça para baixo também tem mais chances de roncar. Outra posição ruim para o sono é dormir de costas com a cabeça inclinada para trás - nesse caso, a língua pode cair e causar a obstrução aérea.

 

Mas o fator mais bizarro que aumenta as chances de ronco é: ser homem, afinal é verdade que homens roncam mais do que as mulheres. Só para você ter ideia, estima-se que um em cada três homens tenha problemas com ronco, enquanto que nas mulheres a proporção é de uma em cada cinco.

 

Por quê?

 

 

O fato de homens roncarem mais do que mulheres tem a ver com algumas diferenças anatômicas e biológicas entre o corpo masculino e o feminino. Quando a língua de um homem bloqueia sua garganta, ela não interdita toda a passagem de ar, pois a garganta masculina é maior. Essa não interdição completa acaba provocando o ronco. Já nas mulheres, que têm gargantas menores, a língua acaba interrompendo totalmente a passagem de ar, o que as faz acordar e não roncar. Essa é uma das explicações.

 

Há outras teorias que tentam explicar por que homens roncam mais que mulheres, e uma delas tem a ver com a mecânica da faringe, afinal os homens têm faringes muito maiores do que as mulheres e, de quebra, têm mudanças no tamanho de suas vias aéreas - elas mudam conforme eles deitam ou ficam em pé.

 

Ainda que homens e mulheres ronquem mais à medida que a idade chega, homens tendem a apresentar mais problemas musculares na região das vias aéreas quando envelhecem. Somado a isso está o fato de que homens têm faringes maiores e, dependendo do volume de ar no pulmão, isso acaba provocando os barulhos desagradáveis do ronco. É basicamente por causa de questões anatômicas que homens roncam, sim, mais do que as mulheres. Especialmente quando envelhecem.

 

Alerta de perigo

 

Vale sempre lembrar que quando a barulheira é extrema e crônica, o ideal é procurar ajuda médica e realizar testes para verificar a sua qualidade de sono. Casos de apneia do sono, que é quando a pessoa passa alguns segundos e até minutos sem respirar, precisam de acompanhamento médico e tratamento, o que pode envolver desde o uso de medicamentos até cirurgia. 

 

Fonte(s) - Via megacurioso
Imagens

comentários[1]

8

out
2014

Quem venceu a Corrida Maluca?

 

Em teoria, foram os Irmãos Rocha, pilotando o Carro de Pedra. O desenho dos estúdios Hanna-Barbera nunca teve um episódio final, no qual sagrou um campeão. Mas, dos 34 circuitos apresentados ao longo da única temporada, entre 1968e 1969, os Rochas venceram três, foram vice em oito e terceiros colocados em outros três. Como a série também nunca estabeleceu um critério de pontuação, pegamos emprestado o da atual Fórmula 1, que concede 25 pontos ao primeiro lugar,18 ao segundo e 15 ao terceiro (descon- sideramos as outras colocações porque alguns episódios só revelavam os três primeiros a cruzar a chegada). No total, a dupla computou 264 pontos, 21 a mais que o vice-campeão, Rufus Lenhador.

 

mundo-estranho-julho-2012-126-p46&47

 

PÓDIO MUITO LOUCO


Confira a pontuação e a posição final de cada equipe


1) Irmãos Rocha


VEÍCULO: Carro de Pedra

1a posição: 3 vezes

2a posição: 8 vezes

3a posição: 3 vezes

PONTUAÇÃO TOTAL: 264

 

2)Rufus Lenhador


VEÍCULO:Carro-Tronco

1a posição: 3 vezes

2a posição: 6 vezes

3a posição: 4 vezes

PONTUAÇÃO TOTAL: 243

 

3)QuadrIlha da morte


VEÍCULO: Carro à Prova de Balas

1a posição: 4 vezes

2a posição: 5 vezes

3a posição: 2 vezes

PONTUAÇÃO TOTAL: 220

 

4)Irmãos Pavor


VEÍCULO: Cupê Mal-Assombrado

1a posição: 3 vezes

2a posição: 3 vezes

3a posição: 6 vezes

PONTUAÇÃO TOTAL: 219

 

5)Penélope Charmosa


VEÍCULO: Carrinho pra Frente

1a posição: 4 vezes

2a posição: 2 vezes

3a posição: 5 vezes

PONTUAÇÃO TOTAL:211

 

6) Barão Vermelho


VEÍCULO: Lata Voadora

1a posição: 3 vezes

2a posição: 4 vezes

3a posição: 3 vezes

PONTUAÇÃO TOTAL: 192

 

7)Professor Aéreo


VEÍCULO:Carro Cheio-de-Truques

1a posição: 3 vezes

2a posição: 2 vezes

3a posição: 5 vezes

PONTUAÇÃO TOTAL: 186

 

8) Tio Tomás e Urso Chorão


VEÍCULO:Carroça a Vapor

1a posição: 4 vezes

2a posição: 1 vezes

3a posição: 4 vezes

PONTUAÇÃO TOTAL: 178

 

9)Peter Perfeito


VEÍCULO: Carrão Aerodinâmico

1a posição: 4 vezes

2a posição: 2 vezes

3a posição: 2 vezes

PONTUAÇÃO TOTAL: 166

 

10)Sargento Bombarda


VEÍCULO: Carro Tanque

1a posição: 3 vezes

2a posição: 1 vez

3a posição: Nenhuma vez

PONTUAÇÃO TOTAL: 93

 

11)Dick Vigarista

 

VEÍCULO: Máquina do Mal

1a posição: Nenhuma vez

2a posição: Nenhuma vez

3a posição: Nenhuma vez

PONTUAÇÃO TOTAL: 0

 

Fonte: Mundo Estranho

comentários[3]

Clima Tempo