Portal da Educao Adventista

*Profª Luciana e Profº Hermes *

28

fev
2011

Texto - 1ºano

Suponha que um educadíssimo e calmíssimo guarda de trânsito tenha parado uma jovem e decidida motorista que o tenha ultrapassado em alta velocidade. Dirigindo-se à simpática motorista, ele avisa:
      - Vou multá-la por excesso de velocidade. - E, para sua total e completa infelicidade, completa: - A senhorita estava a 100 quilômetros por hora.
       A jovem, que não estava nem um pouco inclinada a pagar uma multa, responde no ato:
      - Impossível. Como posso ter estado a 100 quilômetros por hora, se só estou dirigindo, no máximo, há sete minutos?
      O guarda (não esqueça, era educadíssimo e calmíssimo), com toda a paciência do mundo, afirma:
      - Minha senhora, o que eu quis dizer é que se continuasse andando como estava, em uma hora teria percorrido 100 km...
      Mas a jovem não desiste e responde:
      - No momento em que o senhor fez sinal para que eu parasse, eu tinha tirado o pé do acelerador e, de fato, meu carro estava parando. Assim, se eu continuasse como estava, jamais percorreria os 100 quilômetros em uma hora, ou em qualquer intervalo de tempo! Além disso, no quarteirão seguinte há um muro que corta esta rua, impedindo o trânsito. Como então eu poderia percorrer seus 100 quilômetros?
      O guarda atinge aqui o seu limite máximo de paciência e, tentando conter seus impulsos mais primitivos, diz-lhe em tom alterado:
      - Olhe, o que eu quis dizer é que o velocímetro do seu carro devia marcar 100 quando eu lhe pedi para parar!
Dá-se então a crise total. A menina olha inocentemente para o guarda e afirma com muita calma:
      - O velocímetro deste carro está quebrado e, de fato, não pode marcar nada em absoluto, o que significa que não poderia marcar 100 ou qualquer outra coisa.
      O guarda, agora pálido, fecha os dentes e, após um profundo suspiro, fala em tom grave, mal conseguindo se conter:
     - Certo! O velocímetro do seu carro está quebrado e se a senhora continuasse avançando como estava, terminaria por se chocar contra o muro no fim da rua. Resta o fato de que, no segundo em que eu a vi, a senhora percorreu inegavelmente 28 metros... Portanto, vou multá-la por apresentar a velocidade de 28 metros por segundo nesse intervalo de tempo!...
     Muito provavelmente, você ache que isso já seria suficiente para fechar a discussão, e talvez eu ache também, mas a jovem sentada à direção do veículo não tinha a mesma opinião e, com um sorriso irônico, contra-atacou o guarda, afirmando:
     - Sim! Mas não há nenhuma lei que me proíba de andar 28 metros por segundo. O que existe realmente é uma lei proibindo que eu ande a 100 quilômetros por hora!...
      Finalmente, o equilíbrio emocional do guarda sofre ruptura total, enquanto ele grita:
      - Mas dá na mesma! Na MESMA! Na MESMA!!...
E a pobre garota, agora assustada e quase aos prantos, ainda murmura:
    - Mas, seu guarda, se fosse a mesma coisa o senhor não estaria gritando comigo há 15 minutos, tentando justificar uma multa absurda...

comentários[5]

27

fev
2011

Atividade 1- 3º ano

Verifique como se comporta o campo elétrico e responda as questões pelo comentário, não esquecendo de colocar seu nome:
1 - Como se comporta o campo com duas esferas?
2 - O que acontece quando se coloca cinco esferas no campo?
3 - Aumente o valor da carga e explique o que aconteceu no campo elétrico:

Data limite de envio: 04-03-2011

comentários[15]

26

fev
2011

Atividade 2 - 2º ano

Responda as perguntas referentes ao vídeo de Arquimedes:

1 - Qual o problema que Hirão deu para Arquimedes resolver?
2 - Como Arquimedes descobriu a resposta?
3 - Qual é o princípio de Arquimedes?
4 - O que é empuxo e qual sua conseqüência para os objetos imersos?
5 - Descreva a experiência para comprovar o princípio de Arquimedes, inclusive os dados obtidos e calculados (mostre as contas).
6 - Como Arquimedes usou este princípio para saber se a coroa do rei era ou não de ouro puro?
7 - Sabemos que o álcool é menos denso que a água. Se o objeto da experiência fosse mergulhado em álcool, receberia mais empuxo do que mergulhado na água?
8 - A densidade do álcool é de 0,8g/cm³. Calcule o empuxo do objeto de 200g se tivesse sido mergulhado em álcool.

Data limite para o envio: 04-03-2011

comentários[13]

14

fev
2011

Atividade 1 - 2ºano

Responda:
1- Em uma balança coloca-se um litro de água e um litro de óleo ilustrado na figura abaixo. Como você explicaria o desequilíbrio da balança?



2- Observe a figura abaixo:


Todos os vasos estão com o água até o mesmo nível, e possuem bases de áreas diferentes. Pergunta-se:
A pressão no fundo desses recipientes é igual?

Data limite para o envio: 21/02/2011

comentários[35]

14

fev
2011

Atividade 1 - 1ºano

Nesta 1ª atividade vocês devem responder as perguntas e enviar pelo comentário, sendo que a pergunta 1 deve ser respondida num comentário e as seguintes em outro comentário para que somente eu saiba o seu endereço, ok? Em cada comentário coloque seu nome e turma para que seja registrada a sua nota corretamente.

Responda:

1- Qual seu endereço?
2- Qual a distância em km, de sua moradia até o colégio?
3- Qual a forma de transporte que você usa para ir ao colégio?
4- Quanto tempo você gasta, em hora, para ir de sua moradia até o colégio?
5- Qual a velocidade em km/h?
6- Qual a velocidade em m/s?

Data limite de envio: 21/02/2011

comentários[56]

Calendário

Tempo Agora

Hora

Leitura Bíblica

Assinar RSS

mais buscadas

2004-2011 Educação Adventista Todos os direitos reservados.