Portal da Educao Adventista

*educar para salvar *

27

mar
2015

A Bíblia Como Fonte Literária

 

 

A Bíblia é por excelência uma fonte literária...

Poesia - caracteriza-se pelo paralelismo, não pela metrica, ritmo ou rima. Ex. Prov. 28: 26 - "O que confia no seu próprio coração é insensato, mas o que anda em sabedoria será salvo". (Contraste)

Biografia - A história dos grande homens e mulheres da Bíblia. (Daniel, José, Rute, Jesus, etc)

AS FIGURAS DE RETÓRICA
Metáfora - comparação, onde o sentido não é literal mas figurativo.
"Eu sou a videira verdadeira e meu Pai é o agricultor". (João 15.1)
"Eu sou a porta "Eu sou o caminho"; "Eu sou o pão vivo"; "Vós sois a luz, o sal"; "a candeia do corpo são os olhos";

Prosopopeia - E a personificação de coisas inanimadas, atribuindo-se lhes os efeitos e ações das pessoas. Isaias 55:12, "Os montes e os outeiros romperão em cânticos diante de vós, e todas as árvores do campo baterão palmas".

Ironia - Expressão que significa o contrário do que se está pensando ou sentindo; é usada para diminuir e depreciar, mas também para louvar e engrandecer. o profeta Elias, no Carmelo, fala aos sacerdotes do falso deus Baal: "Gritai em altas vozes, pois ele é um deus; ou está em viagem, ou porventura está dormindo, e necessita que o acordem".

Hipérbole - Figura que engrandece ou diminui exageradamente a verdade das coisas, para apresentá-las vivas à imaginação.
Os Espias - "Vimos ali gigantes... e éramos aos nossos olhos como gafanhotos... as cidades são grandes e muradas até o céu" (Nm 13.37; Dt 1.28).

Fábula - Narrativa em que seres irracionais e objetos inanimados são apresentados falando, com paixão e sentimento humano para ensinar lições morais.
2 Reis 14.9 - "O cardo que estava no Líbano, mandou dizer ao cedro que estava no Líbano: dá tua filha por mulher a meu filho; mas passou uma fera que estava no Líbano e pisou aos pés o cardo".

As narrativas
Epopéia - Os feitos de um herói nacional. Por exemplo, Abraão, Gedeão, e Davi.

Épico - aparecem as narrativas de pessoas com façanhas militares. Lembramos a vida dos israelitas no deserto e a conquista de Canaã.

Tragédia - é a história da decadência de um indivíduo, da fama e honradez ao desastre e a miséria (Sansão, Saul e Salomão).

Romance - Aparece este gênero nos livros de Rute e de Cânticos dos Cânticos.

"Porque a palavra de Deus é viva, e eficaz, e mais cortante do que qualquer espada de dois gumes, e penetra até a ponto de dividir alma e espírito, juntas e medulas, e é apta para discernir os pensamentos e propósitos do coração" (Hb 4.12).

comentários[0]

25

mar
2015

Escola: Lugar de Companheirismo

Vivemos em uma época em que somos encorajados a acumular... no entanto, a Bíblia nos convida a compartilhar.

"Cada um exerça o dom que recebeu para servir aos outros, administrando fielmente a graça de Deus em suas múltiplas formas." 1 Pedro 4:10

Uma Lenda Judáica

Deus convidou um Rabino para conhecer o céu e o inferno.

Ao abrirem a porta do inferno, viram uma sala em cujo centro havia um caldeirão, onde se cozinhava uma suculenta sopa. Em volta dela, estavam sentadas pessoas famintas e desesperadas. Cada uma delas segurava uma colher de cabo tão comprido que lhe permitia alcançar o caldeirão, mas não suas próprias bocas. O sofrimento era imenso.

Em seguida, Deus levou o Rabino para conhecer o céu.

Entraram em uma sala idêntica à primeira, havia o mesmo caldeirão, as pessoas em volta, as colheres de cabo comprido. A diferença é que todos estavam saciados.

- Eu não compreendo, disse o Rabino, por que aqui as pessoas estão felizes, enquanto na outra sala morrem de aflição, se é tudo igual?

Deus sorriu e respondeu:

-Você não percebeu?

É porque aqui eles aprenderam a dar comida uns aos outros...

"Cada um exerça o dom que recebeu para servir aos outros,..." é o que diz o apóstolo. Faça a sua parte!

comentários[0]

19

mar
2015

Ideias semana da Páscoa

Na categoria link encontra o vídeo A Ponte.

Na categoria Dowloads encontra o ppt para a mensagem As 7 Últimas Palavras

 

Boa Capela.

comentários[0]

19

mar
2015

Ideias semana da Páscoa

Modelo do Programa para a capela da Páscoa

 

 

comentários[0]

19

mar
2015

Ideias semana da páscoa

Ornamentação:

comentários[0]

19

mar
2015

Ideias para semana da Páscoa

NADA ERA DELE
Gióia Júnior

 

Disse o poeta um dia,

Fazendo referência ao mestre amado:

"o berço que ele usou na estrebaria

Por acaso era dele?"

-Era emprestado -

 

...E o manso jumentinho

Em que em Jerusalém chegou montado

E palmas recebeu pelo caminho,

Por acaso era dele?

-Era emprestado -

 

...E o pão, o suave pão

Que foi por seu amor multiplicado,

Alimentando toda a multidão,

Por acaso era dele?

-Era emprestado -

 

...E os peixes que comeu

Junto ao lago,

Ficando alimentado,

Esse prato era seu?

-Era emprestado -

 

...E o famoso barquinho?

Aquele barco em que ficou sentado

Mostrando a multidão qual caminho,

Por acaso era dele?

- Era emprestado -

 

...E o quarto em que ceou

Ao lado dos discípulos,

Ao lado de judas que o traiu, de Pedro que o negou,

Esse quarto era dele?

- Era emprestado -

...E o túmulo que depois do Calvário

Foi usado e de onde havia de ressuscitar,

Esse túmulo era dele?

- Era emprestado -

Em fim, nada era seu!!!

 

Mas a coroa que ele usou na cruz,

E a cruz que carregou e onde morreu

Essas eram de fato de Jesus!

Isso disse um poeta certo dia,

Numa hora de busca da verdade,

mas NÃO aceite essa filosofia

Que contraria a própria realidade...

O berço, o jumentinho, e o suave pão,

Os peixes, o barquinho, o quarto e a sepultura

Foram Dele a partir da criação,

"Ele os criou", assim diz a Bíblia

Mas a cruz que Ele usou,

A rude cruz, a cruz negra e mesquinha,

Onde os meus crimes todos expirou,

Essa cruz não era sua...

- Essa cruz era minha!-

 

comentários[0]

19

mar
2015

Projeto Semana da Páscoa

 

Projeto Semana da Páscoa

Título: A Paixão de Cristo é Você

Publico Alvo: Alunos  Pré-escolar ao 12º ano, Professores e funcionários.

Responsáveis pela Execução: Departamento de Capelania, Direção, Coordenação, supervisão e professores.

Áreas do Conhecimento: Ensino Religioso, Artes, Português, Ciências, História e Geografia.

Período: Semana que antecede a Páscoa

Justificativa: Em meio a tantas crenças, em meio a um secularismo generalizado em que se encontra a humanidade e da falta de respeito para com as coisas de Deus, e diante de uma semana tão especial que é a que se relembra a paixão de Cristo, sua vida, seus milagres, sofrimento, sua morte e ressurreição, se faz necessário realizarmos tal projeto com o intuito de refletirmos sobre a pessoa de Jesus Cristo e o valor de seu sacrifício.

Objetivos:

  • Descrever o nascimento de Jesus, morte e ressurreição de Jesus;
  • Conhecer a exatidão do cumprimento das profecias messiânicas;
  • Traçar um paralelo entre a comemoração da Páscoa atualmente e da Páscoa bíblica;
  • Conhecer o contexto histórico da vida de Jesus;
  • Indicar as cidades mais importantes da época de Jesus;
  • Descrever como eram as profissões da época de Jesus.

Conteúdos:

Ensino Religioso;

- Profecias Messiânicas;

- A crucificação de Cristo;

- O ritual da Ceia do Senhor;

- A Páscoa bíblica;

História:

- As profissões da época;

- Costumes: vestuários, comidas, etc;

Geografia:

- Área geográfica dos acontecimentos bíblicos sobre a vida de Jesus;

- Cidades mais importantes da época.

Ciências:

- A ovelha: a utilidade da lã para a época, tipo de reprodução, alimentação;

- Processo de fabricação do suco de uva;

- O trigo como fonte de sobrevivência.

Português:

- Produção de Texto;

- Produção de Poesias (A luz, a ovelha, a cruz de Cristo, o cacho de uva, etc.)

Artes:

- Confecção de lembrancinhas

 

Procedimento Metodológico:

- Filmes

- Aulas expositivas

- Dinâmicas

- Encenações;

- Atividades Interdisciplinares

- Elaboração de Mural

- Cartazes

- Realização de uma Capela

Recursos:

  • Físicos: Salas de Aulas, auditório e biblioteca;

    Materiais: TV, Vídeo, Vídeo-projetor, computador, quadro-negro e livro texto.

    Humanos: Professores.

  • Desenvolvimento das Atividades:

  • Durante uma semana serão desenvolvidas atividades interdisciplinares nas salas de aulas, no auditório da escola e nos cultos com os professores e com os alunos.

semana p?scoa

comentários[0]
Assinar RSS

mais buscadas

2004-2011 Educação Adventista Todos os direitos reservados.