Portal da Educao Adventista

*Geografia - Deisi *

22

fev
2013

Dica de leitura!

Estudo Criativo

Atitudes para inovar a arte de aprender.

 

            Nesse livro, o Doutor em Educação, Eliel Unglaub e seu filho o jornalista Delton Lehr Unglaub, elaboraram um manual com algumas atitudes e hábitos necessários para você se desenvolver cada vez mais nos estudos. Várias são as técnicas e dicas apresentadas que irão conduzir seus estudos de forma inteligente.

Palavras do autor: "Existem diversas técnicas de estudo, muitas dicas de memorização, várias formas de se estudar um determinado assunto, mas existem poucas iniciativas para se tornar um estudante nota máxima. A maioria dos alunos fala que estudam, mas não entendem realmente o que é "estudar". Saber estudar não é privilégio de alunos que são "gênios". Estudar é um hábito que pode ser incluído na rotina diária de cada estudante."

Vale a pena ler!image

 

comentários[0]

22

fev
2013

O Terror dos mares.

O "Terror dos mares"

 

            Depois que Dona Benta concluiu a história do mundo contada à moda dela, os meninos pediram mais.

            _ Mais, quê? - perguntou a boa avó. Poderei contar muitas histórias assim                                                                                                                   (...).

            _ Conte a história da Geografia - pediu Pedrinho, que andava sonhando com viagens pelos países estrangeiros.

            E Dona Benta contou a Geografia.

            _ Era uma vez uma grande bola - começou ela -, mas ninguém sabia que essa grande bola fosse bola. Todos julgavam que fosse  bola. Todos julgavam que fosse uma coisa chata. Essa grande bola é a nossa Terra, ou o planeta em que moramos. Quando nas noites límpidas a gente olha para o céu, vê lá uma infinidade de estrelinhas. (...)

            E depois de contar sobre o universo, o bailado das estrelas no espaço, e sobre a Terra...

            No dia seguinte Emília teve uma ideia.

            _ Vamos estudar a Geografia de outro jeito - propôs. Tomamos um navio e saímos pelo mundo afora vendo o que há. Muito mais interessante.

            _ Mas onde está o navio, boba? - indagou Narizinho.

            _ Um navio faz-de-conta.

            _ Acho ótima a lembrança, Emília - disse Dona Benta. - E eu sigo no comando desse navio. Que nome vai ter?

            _ O "Terror dos Mares"! - gritou a boneca. - Levamos toda gente de casa, tia Nastácia, Quindim, o Visconde - todos, menos Rabicó.  

            (...) O "Terror dos Mares" ia partir às duas horas em ponto, (...)

            _ Para onde querem ir? - gritou Emília com a mão na roda do leme.

            Dona Benta, vestida de "lobo-do-mar" e com a luneta de ver ao longe em punho, gritou uma ordem:

            _ Rumo norte! Vamos seguir pela beirada do Brasil acima. Estamos no fim do Brasil, no começo da costa do Rio Grande do Sul.

            Todos olharam e viram ao longe uma linha branca de praia. Quem está em mar alto só vê as costas das terras - disse o Capitão. - Estamos defronte do estado do Rio Grande do Sul, a terra dos gaúchos.

            _ Que quer dizer gaúcho, vovó, digo, Capitão?

            _ É o nome popular que têm os homens que vivem nos pampas. Chama-se pampas a zona de planície sem florestas, só de campos, que começa na Argentina e vem até cá ao Rio Grande. (...) A vida dos homens, em qualquer parte do mundo, depende da terra, e como aqui a terra é sobretudo composta desses campos, ótimos para a criação do gado, a vida dos homens que habitam o Rio Grande, o Uruguai e a Argentina gira em torno da criação do gado. [...]

(Extraído e adaptado de Monteiro Lobato, Geografia de Dona Benta, Brasiliense, 1996)

 

RELENDO O TEXTO

1) Por que Pedrinho quis que a avó contasse a Geografia?

2) Como Emília propôs que se estudasse Geografia?

3) Por onde eles começaram a viagem e que direção tomaram?

4) Seguindo essa direção, qual o próximo estado que conheceriam?

5) A Argentina e o Uruguai localizam-se ao sul ou ao norte do Rio Grande do Sul?

6) Como Dona Benta descreveu os pampas?

 

Responda em uma folha para entregar para a professora. Essa tarefa está valendo 2,0 ponto.

comentários[0]

22

fev
2013

Conhecer a Terra.

image

comentários[0]

22

fev
2013

Dicas de Estudo

APRENDENDO GEOGRAFIA

Algumas dicas como um bom sono, uma alimentação adequada e boa postura, servem como dicas para qualquer tipo de estudo. Então, vamos ver algumas que você pode aplicar no estudo do conteúdo de geografia.

1ª dica: Compreender - tudo que decoramos, podemos esquecer facilmente. Portanto, entender aquilo que lemos, vemos ou ouvimos é sempre o melhor caminho. Por exemplo, às vezes, aparecem no texto palavras que nós não conhecemos, então, ficamos repetindo para tentar decorar. O ideal é descobrir o significado da palavra com a ajuda do dicionário, assim não há necessidade de tanta repetição.

2ª dica: Para facilitar a compreensão dos temas é necessário que nos organizemos. Faça uma lista em tópicos e selecione os principais pontos ou as palavras-chave do tema que você estiver estudando.

3ª dica: Esta terceira dica funcionou muito comigo, pode funcionar com você também. Ao estudar, procure ler alto e depois, explique o conteúdo para si mesmo. É engraçado não é? Mas muito útil. Quando você fala algo, o cérebro grava com mais facilidade. Você também pode estudar com um amigo, assim, vocês explicam o conteúdo um para o outro.

4ª dica: Por fim, faça uso constante de mapas. Desenhe, escreva neles, faça gráficos, legendas, etc. Em Geografia, quase todos os conteúdos podem ser estudados com a ajuda de um mapa. Visualizar o local facilita o aprendizado, pois a mente relaciona o local ao que está sendo estudado.

Essas dicas, nada mais são do que a união da leitura, da audição e da imagem. Esses três itens combinados são eficientes para o aprendizado. Espero que essas dicas ajudem você a estudar melhor. Bons estudos!

 

Fonte:    http://www.educacaoadventista.org.br/fundamental-2/dicas-de-estudo/875/aprendendo-geografia.html

comentários[0]
Assinar RSS

mais buscadas

2004-2011 Educação Adventista Todos os direitos reservados.