Portal da Educao Adventista

*Biblioteca Dalka Bergold *

12

jun
2012

Pegadas na Areia

imageSonhei que estava caminhando na praia
juntamente com Deus.
E revi, espelhado no céu,
todos os dias da minha vida.
E em cada dia vivido,
apareciam na areia, duas pegadas :
as minhas e as d'Ele.
No entanto, de quando em quando,
vi que havia apenas as minhas pegadas,
e isso precisamente
nos dias mais difíceis da minha vida.

Então perguntei a Deus:
"Senhor, eu quis seguir-Te,
e Tu prometeste ficar sempre comigo.
Porque deixaste-me sozinho,
logo nos momentos mais difíceis?

Ao que Ele respondeu:
"Meu filho, Eu te amo e nunca te abandonei.
Os dias em que viste só um par de pegadas na areia
são precisamente aqueles
em que Eu te levei nos meus braços."

Margaret Fishback Powers

comentários[0]

11

jun
2012

Nostalgia.... Saudade Conformada

As pessoas sempre confundem os sentimentos de nostalgia e saudade, pensam que é a mesma coisa. Não é. Nostalgia dói mais que saudade, mais que bater com a porta nos dedos, mais que cólica de rim. Nostalgia é como o fim do dia: a única saída é se conformar, já foi. Saudade a gente agüenta, inquietamente, e logo a gente cura.
Saudade a gente sente quando entra em um ônibus para ir embora, saudade da pessoa amada que fica, mas sabe que vai voltar a vê-la. Nostalgia é quando após alguns anos, você se lembra desse momento, que às vezes até se repete, mas não é a mesma coisa...
Saudade é quando o ser amado foi embora, mas o amor ainda ficou. Nostalgia é quando o amor também se foi...
Saudade a gente sente quando deixa os pais em casa e vai morar sozinho, em qualquer canto desse mundo. Nostalgia é quando a gente lembra de quando eles jogavam bola ou brincavam de boneca com a gente...
A gente sente saudade da vovó, que mora longe e cada vez que a visitamos ela aparece com um monte de comidas gostosas. Nostalgia é quando já não se tem a vovó, mas ainda sentimos o gostinho das guloseimas que ela fazia...
Saudade a gente tem de um amigo que se mudou para outra cidade ou país. Nostalgia é o que sentimos ao lembrar das brincadeiras de quando éramos crianças, e saber que agora quem brincam são seus filhos...
A gente sente saudade da nossa casa quando viaja e fica um tempo fora. E nostalgia quando a gente lembra de tudo o que viveu ali, na casa agora abandonada...
Saudade a gente pode ter de um brinquedo, de andar de bicicleta. Nostalgia é o que sentimos quando nos lembramos de como era simples e feliz nossa infância...
Temos saudade de sentar na varanda à tarde com nosso avô e ficar jogando conversa fora. E nostalgia quando o avô se vai, anoitece, e esse momento não se repete mais.
Sentimos saudade dos nossos cachorros quando passamos um fim de semana fora. Nostalgia, quando lembramos deles pulando na gente, mas só vemos a casinha que está vazia.
Saudade é um sentimento urgente, nostalgia não tem solução: a gente só se conforma. Saudade é a ausência provisória de alguém, nostalgia é a ausência eterna de um momento.
 "Saudade é um pouco como fome. Só passa quando se come a presença" - dizia Lispector. Então, nostalgia é quando toda a comida cessou...

(Karina Perussi)

 

comentários[0]

22

mai
2012

Pensador

image

Um dia uma criança chegou diante de um pensador e perguntou-lhe:"Que tamanho tem o universo?"Acariciando a cabeça da criança,ele olhou para o infinito e respondeu:"O universo tem o tamanho do seu mundo."Perturbada,ela novamente indagou:"Que tamanho tem meu mundo?"O pensador respondeu:"Tem o tamanho dos seus sonhos."Se seus sonhos são pequenos,sua visão será pequena,suas metas serão limitadas,seus alvos serão diminutos,sua estrada será estreita,sua capacidade de suportar as tormentas será frágil.Os sonhos regam a existência com sentido.Se seus sonhos são frágeis,sua comida não terá sabor,suas primaveras não terão flores,suas manhãs não terão orvalho,sua emoção não terá romances.A presença dos sonhos transforma os miseráveis em reis,faz dos idosos,jovens,e a ausência deles transforma milionários em mendigos faz dos jovens idosos.Os sonhos trazem saúde para a emoção, equipam o frágil para ser autor da sua história,fazem os tímidos terem golpes de ousadia e os derrotados serem construtores de oportunidades.Sonhe!"

"Augusto Cury"

 

comentários[0]

28

jul
2011

Crianças que usam tecnologia escrevem melhor

Crianças que utilizam blogs, SMS ou acessam redes sociais no dia a dia melhoram suas habilidades com a escrita, indicou uma pesquisa realizada pela instituição britânica National Literacy Trust.

Das 3.001 crianças entre 9 e 16 anos entrevistadas pelos pesquisadores, 24% possuem seu próprio blog, enquanto 82% enviam mensagens de texto por celular pelo menos uma vez por mês. Desse total, 73% falam com amigos por meio de serviços de mensagem instantânea, como MSN e Google Talk.

O levantamento também mostrou que, embora utilizem meios digitais na comunicação, os jovens ainda fazem uso de papel e caneta na hora de anotar dicas durante as aulas ou no momento em que precisam finalizar seus deveres de casa.

As crianças que possuem blogs ou estão nas redes sociais foram avaliadas como donas dos melhores textos. "Nossa pesquisa sugere uma forte relação entre a utilização da tecnologia pelas crianças e atividades com leitura e escrita", disse o diretor da National Literacy Trust, Jonathan Douglas. "A relação com as tecnologias on-line incentiva os jovens a escrever pequenas histórias, cartas, letras de música ou diários", completou.
 
Douglas também quebrou paradigmas ao afirmar que os estilos informais de escrita, comuns na web, não atrapalham o progresso da habilidade na redação de textos. Questionado sobre o futuro da literatura em tempos de mídias digitais, o pesquisador foi enfático: "Nosso estudo mostrou que, quanto mais a tecnologia é utilizada, mais habilidades literárias são desenvolvidas".

Revista Veja

comentários[0]

7

jun
2011

O Que É ?

A oficina de textos é um curso de produção textual oferecido pelo colégio adventista de Florianópolis- centro e ministrado por professores da área de linguagens, funcionários e convidados do CAF-c, tendo como objetivo principal capacitar os alunos a escreverem melhor.

Surgida como complemento do projeto "Rato de Biblioteca", iniciou com apenas 3 alunos inscritos que agora já são cerca de 20.

As aulas do curso até o momento foram:

·         Noções básicas de poesia e rima;

·         Como escrever textos dissertativos;

·         Construção de orações na narrativa;

·         O que é escrever;

·         Poesia concreta, o que é e como fazer;

Ao final do curso, que se estenderá até novembro próximo a data de encerramento do projeto, pretende-se verificar nos alunos participantes se houve uma evolução na qualidade dos textos produzidos pelos mesmos.

Além de receberem um material de apoio, que consta de lápis, borracha, papel, pasta e apostila com informações e dicas sobre o tema, os primeiros inscritos também receberam brindes alusivos ao personagem Afonso do projeto. O material oferecido contou com o patrocínio da escola de idiomas Influx.

comentários[0]

13

mai
2011

Lançada oficialmente

Lançada oficialmente a oficina de textos, faça aqui sua inscrição.

comentários[0]

Campanha de Doação